terça-feira, 16 de julho de 2013

Agenda Papa Francisco - JMJ 2013



POR OCASIÃO DA XXVIII JORNADA MUNDIAL DA JUVENTUDE
22-29 DE JULHO DE 2013

Segunda-feira 22 de julho de 2013
Roma
08.45Partida do Aeroporto de Roma Ciampino para o Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
16.00Acolhida oficial no Aeroporto Internacional Galeão/Antônio Carlos Jobim do Rio de Janeiro
17.00Cerimônia de boas-vindas no Jardim do Palácio Guanabara do Rio de Janeiro
17.40Visita de cortesia à Presidente da República no Palácio Guanabara no  Rio de Janeiro
Estadia privada na Residência do Sumaré no Rio de Janeiro

Quarta-feira 24 de julho de 2013
08.15Partida em helicóptero do Sumaré para o Santuário de Nossa Senhora da Conceição Aparecida
09.30Chegada ao Heliporto do Santuário de Nossa Senhora da Conceição Aparecida
10.00Veneração da Imagem de Nossa Senhora na Sala dos 12 Apóstolos do Santuário de Nossa Senhora da Conceição Aparecida
10.30Santa Missa na Basílica do Santuário de Nossa Senhora da Conceição Aparecida
13.00Almoço com a Comitiva Papal, os Bispos da Província e os Seminaristas no Seminário Bom Jesus de Aparecida
16.10Partida em helicóptero do Seminário Bom Jesus de Aparecida para o Rio de Janeiro
17.25Chegada ao Aeroporto Santos Dumont (III Comar) do Rio de Janeiro
18.30Visita ao Hospital de São Fancisco de Assis na Providência de Deus (antigo Ordem Terceira da Penitência/VOT) no Rio de Janeiro

Quinta-feira 25 de julho de 2013
07.30Santa Missa privada na Residencia do  Sumaré no Rio de Janeiro
09.45Entrega das chaves da cidade ao Santo Padre e Bênção das bandeiras olímpicas no Palácio da Cidade no Rio de Janeiro
11.00Visita à Comunidade de Varginha em Manguinhos no Rio de Janeiro
18.00Festa de acolhida dos jovens na Praia de Copacabana no Rio de Janeiro

Sexta-feira 26 de julho de 2013
07.30Santa Missa privada na Residência do Sumaré no Rio de Janeiro
10.00Confissão de alguns jovens da XXVIII JMJ no Parque Municipal da Quinta da Boa Vista no Rio de Janeiro
11.30Breve encontro com alguns jovens detentos no Palácio Arquiepiscopal São Joaquim no Rio de Janeiro
12.00Oração do Angelus Domini do Balcão Central do Palácio Arquiepiscopal São Joaquim no Rio de Janeiro
12.15Saudação ao Comitê Organizador da XXVIII Jornada Mundial da Juventude e aos Benfeitores no Palácio Arquiepiscopal São Joaquim no Rio de Janeiro
13.00Almoço com os jovens no Salão Redondo no Palácio Arquiepiscopal São Joaquim no Rio de Janeiro
18.00Via-Sacra com os jovens na Praia de Copacabana no Rio de Janeiro

Sábado 27 de julho de 2013
09.00Santa Missa com os Bispos da XXVIII JMJ  e com os Sacerdotes, so Religioso e os Seminaristas na Catedral de São Sebastião no Rio de Janeiro
11.30Encontro com a Classe Dirigente do Brasil no Teatro Municipal do Rio de Janeiro
13.30Almoço com os Cardeais do Brasil, a Presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, os Bispos da Região e a Comitiva Papalno Grande Refeitório do centro de estudos do Sumaré no Rio de Janeiro
19.30Vigília de oração com os jovens no Campus Fidei em Guaratiba

Domingo 28 de julho de 2013
10.00Santa Missa pela XXVIII Jornada Mundial da Juventude no Campus Fidei em Guaratiba
Oração do Angelus Domini no Campus Fidei em Guaratiba
14.00Almoço com a Comitiva Papal no Refeitório do Centro de Estudos do Sumaré no Rio de Janeiro
16.00Encontro com o Comitê de Coordenação do CELAM no Centro de Estudos do Sumaré no Rio de Janeiro
16.40Despedida da Residência do Sumaré no Rio de Janeiro
17.30Encontro com os Voluntários da XXVIII JMJ no Pavilhão 5 do Rio Centro no Rio de Janeiro
18.30Cerimônia de despedida no Aeroporto Internacional  Galeão/Antônio Carlos Jobim do Rio de Janeiro
19.00Partida do Aeroporto Internacional Galeão/Antônio Carlos Jobim do Rio de Janeiro para Roma

Segunda-feira 29 de julho de 2013

Roma
11.30 Chegada a ao Aeroporto de Roma Ciampino

Fuso horário
Fuso horárioRoma: + 2 UTC
Rio de Janeiro e Aparecida do Norte: - 3 UTC

Fonte: Site da Santa Sé

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Memória de São Bento, Abade e Pai dos Monges


"Ó Deus, que fizestes o abade são Bento preclaro mestre na escola do vosso serviço, concedei que, nada preferindo ao vosso amor, corramos de coração dilatado no caminho dos vossos mandamentos. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo." Oração da Coleta

As informações sobre a vida de Bento nos foram transmitidas pelo seu biógrafo e contemporâneo, papa são Gregório Magno. No livro que enaltece o seu exemplo de santidade de vida, ele não registrou as datas de nascimento e morte. Assim, apenas recebemos da tradição cristã o relato de que Bento viveu entre os anos de 480 e 547. 

Bento nasceu na cidade de Nórcia, província de Perugia, na Itália. Pertencia à influente e nobre família Anícia e tinha uma irmã gêmea chamada Escolástica, também fundadora e santa da Igreja. Era ainda muito jovem quando foi enviado a Roma para aprender retórica e filosofia. No entanto, decepcionado com a vida mundana e superficial da cidade eterna, retirou-se para Enfide, hoje chamada de Affile. Levando uma vida ascética e reclusa, passou a se dedicar ao estudo da Bíblia e do cristianismo. 

Ainda não satisfeito, aos vinte anos isolou-se numa gruta do monte Subiaco, sob orientação espiritual de um velho monge da região chamado Romano. Assim viveu por três anos, na oração e na penitência, estudando muito. Depois, agregou-se aos monges de Vicovaro, que logo o elegeram seu prior. Mas a disciplina exigida por Bento era tão rígida, que esses monges indolentes tentaram envenená-lo. Segundo seu biógrafo, ele teria escapado porque, ao benzer o cálice que lhe fora oferecido, o mesmo se partiu em pedaços. 

Bento abandonou, então, o convento e, na companhia de mais alguns jovens, entre eles Plácido e Mauro, emigrou para Nápoles. Lá, no sopé do monte Cassino, onde antes fora um templo pagão, construiu o seu primeiro mosteiro. 

Era fechado dos quatro lados como uma fortaleza e aberto no alto como uma grande vasilha que recebia a luz do céu. O símbolo e emblema que escolheu foram a cruz e o arado, que passaram a ser o exemplo da vida católica dali em diante. 

As regras rígidas não poderiam ser mais simples: "Ora e trabalha". Acrescentando-se a esse lema "leia", pois, para Bento, a leitura devia ter um espaço especial na vida do monge, principalmente a das Sagradas Escrituras. Desse modo, estabelecia-se o ritmo da vida monástica: o justo equilíbrio, do corpo, da alma e do espírito, para manter o ser humano em comunhão com Deus. Ainda, registrou que o monge deve ser "não soberbo, não violento, não comilão, não dorminhoco, não preguiçoso, não detrator, não murmurador". 

A oração e o trabalho seriam o caminho para edificar espiritual e materialmente a nova sociedade sobre as ruínas do Império Romano que acabara definitivamente. Nesse período, tão crítico para o continente europeu, este monge tão simples, e por isto tão inspirado, propôs um novo modelo de homem: aquele que vive em completa união com Deus, através do seu próprio trabalho, fabricando os próprios instrumentos para lavrar a terra. A partir de Bento, criou-se uma rede monástica, que possibilitou o renascimento da Europa. 

Medalha de São Bento
Celebrado pela Igreja no dia 11 de julho, ele teria profetizado a morte de sua irmã e a própria. São Bento não foi o fundador do monaquismo cristão, que já existia havia três séculos no Oriente. Mas merece o título de "Pai do Monaquismo Ocidental", que ali só se estabeleceu graças às regras que ele elaborou para os seus monges, hoje chamados "beneditinos". Além disto, são Bento foi declarado patrono principal de toda a Europa pelo papa Paulo VI, em 1964, também com justa razão.

Clique aqui para ler a catequese do Papa Bento XVI sobre São Bento, proferida no dia 9 de abril de 2008

terça-feira, 9 de julho de 2013

Festividade de São Tarcísio 2012 - Procissão e Missa

Na manhã do dia 15 de agosto de 2012, mais de mil e quinhentos Servidores do Altar se reuniram para celebrar seu padroeiro São Tarcísio. A procissão saiu as 8h da manhã da Paróquia São Francisco de Assis-Capuchinhos e seguiu para Basílica-Santuário de Nossa Senhora de Nazaré, onde o Arcebispo-Metropolitano recebeu os Servidores do Altar e presidiu a Santa Missa concelebrada por mais de dez sacerdotes.
































Veja mais fotos aqui:



domingo, 7 de julho de 2013

Abertura da Festividade de São Tarcísio 2013 - Ficha de Inscrição

Pelo sétimo ano a Coordenação Arquidiocesana dos Servidores do Altar promove a Festividade em honra a São Tarcísio, cujo tema será "Com São Tarcísio, subo ao altar de Deus, alegria da minha juventude". Esta terá sua abertura no dia 03 de agosto de 2013 às 09h, na Paróquia Nossa Senhora de Fátima - Santuário. 

Para tal abertura pedimos que cada grupo preencha a ficha de inscrição abaixo, bem como contribua para o lanche no valor de R$ 2,00 (Dois Reais) por Servidor do Altar participante. Pedimos que tal ficha de inscrição, bem como o valor referente, seja entregue o quanto antes ao coordenador de sua região episcopal.




.: CONTATOS :.

- Região Episcopal Sant'Ana
Hugo Sarmanho: 8248-0595

- Região Episcopal Santa Cruz
Alexandre Souza: 8081-7802

- Região Episcopal Santa Maria Goretti
Marcio Miranda: 8167-7589

- Região Episcopal São João Batista
Luana Letícia: 8324-6469

- Região Episcopal Menino Deus
Camila Cavalcante: 8020-1954

- Região Episcopal São Vicente de Paulo
Wendel Leal: 9175-2637

sábado, 6 de julho de 2013

Hinos em honra ao Glorioso São Tarcísio


Amigos Servidores do Altar,

Disponibilizamos abaixo a letra e o som dos hinos que comumente cantamos em honra ao nosso padroeiro, façamos com que eles cheguem a cada servidor do altar, para que no dia deste nosso excelso protetor, possamos cantar a um só coro estes hinos em sua homenagem.

video

Hino oficial: Hino de São Tarcísio

Para o inicio da Santa Missa:

Vem Espírito de amor
me aquecer com seu calor
encher de paz meu coração
pra ser igual ao de Tarcísio protetor.

Para o fim da Santa Missa usa:

Deus Espírito de amor
me aqueceu com seu calor
encheu de paz meu coração
pra ser igual ao de Tarcísio protetor.


Menino heróico que nasceu na vossa glória
Foi mais um mártir na história dos cristãos
A caridade por ele já se fazia
Pois deu sua vida por amor a Eucaristia.

Menino acólito por todos venerado
Exemplo vivo de amor pelos irmãos
Falou por Deus sentiu a dor da piedade
Servir a Deus com mais amor e lealdade

E assim nos sentiremos fortes
Cantando sempre com carinho
Os teus passos São Tarcísio
Seguirei pelo caminho.

video

Canto em Honra a São Tarcísio: Exemplo de Amor

1. Em Roma desde pequeno
a Igreja quisestes servir
trabalhava em seus altares
com amor sem nada exigir.

Ref.: São Tarcísio o teu exemplo
hoje queremos seguir
teu amor a Eucaristia
nos ensina a repartir
nossas vidas a serviço do irmão
levando a Cristo no coração.


2. Não temeste o perigo
de levar o Cristo Senhor
aos irmãos que estavam presos
tu servias com grande fervor.

Encontro Arquidiocesano dos Servidores do Altar - Lançamento da Festividade de São Tarcísio 2013


Data: 22/06/2013

Local: Paróquia Nossa Senhora de Fátima


















Reportagem no programa Notícias Pastorais da Tv Nazaré

video


Reportagem no Jornal Voz de Nazaré


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...